Importante para segurar o empate, o Courtois reconheceu atuação abaixo do time e elogiou atuação do Villarreal, mas reclamou da arbitragem

Após o empate por 0 a 0 contra o Villarreal no Santiago Bernabéu, Thibaut Courtois foi à imprensa dar suas impressões sobre o jogo. Nesta oportunidade, o belga admitiu superioridade do time rival, lamentou o empate e ainda aproveitou para alfinetar a arbitragem do jogo, comandada por Gil Manzano.

“Um pouco amargo”, disse sobre o empate em pleno Bernabéu. “Em casa, sempre se quer ganhar. Se um rival direto perde (se referindo à derrota do Atlético de Madrid para o Alavés na rodada), você quer somar os três pontos. O Villarreal é um time bom, de Champions, e se não os pressionar bem como no primeiro tempo, eles conseguem triangular e saem da marcação”, completou.

Ainda sobre o jogo, Courtois afirmou: “Melhoramos no segundo tempo, mas não conseguimos emplacar a intensidade do jogo contra o Mallorca. Eles não pressionaram muito alto, mantiveram um bloco médio. Era difícil, erramos passes e a bola não chegava. Não tivemos chances claras, eles foram melhores. Mas bem, não tomamos gol e seguimos”.

“Sem dúvidas, nos preparamos para o jogo buscando pressionar para não dar descanso a eles”, continuou Courtois. “No primeiro tempo eles jogaram muito bem, mas no segundo tempo melhoramos”.

Por fim, o belga foi questionado sobre o polêmico lance de um possível pênalti em Nacho: “Todos estão falando que é falta, não sei se fora ou dentro da área. Não quero entrar nisso, mas nós sabemos onde ele (Gil Manzano) apitou semana passada. Teve muita polêmica”, disse a respeito da polêmica arbitragem de Manzano no jogo entre Atlético de Madrid e Athletic Bilbao. “Ele deixou o jogo correr demais e não quis se arriscar”.

O clube merengue volta a campo nesta terça-feira (28), pela Liga dos Campeões. Em casa, recebe o Sheriff Tiraspol às 16h.