A partida entre Manchester City e Real Madrid, pela volta das oitavas de finais da Liga dos Campeões e que aconteceria na terça-feira (18), foi adiada por conta da pandemia do novo coronavírus, COVID-19. A decisão foi tomada em comum acordo entre clubes e UEFA.

“A decisão de adiar o jogo de terça-feira foi tomada em conjunto com a UEFA e segue a confirmação de que os jogadores do Real Madrid se isolarão por quinze dias, após surgir que um jogador do time de basquete do clube deu positivo para o COVID-19”, disse o comunicado do Manchester City. Real Madrid também publicou um comunicado oficial em seu site usando a mesma argumentação.

Nesta quinta-feira (12), o Real Madrid entrou em quarenta e fechou Valdebebas e suas demais instalações devido ao surto da doença e também, por que Trey Thompkins, jogador do Baloncesto que foi testado positivo com coronavírus.

Uma nova data ainda será discutida entre clubes e UEFA, mas ainda sem qualquer prazo colocado na mesa. O Real Madrid, clube envolvido, ainda não se pronunciou, mas deve emitir nota oficial nas próximas horas.

Coronavírus

O novo coronavírus se tornou uma pandemia, termo utilizado para a disseminação do vírus de forma mundial e que afeta os cinco continentes. O decreto foi dado nesta quarta (11) em entrevista coletiva da OMS (Organização Mundial da Saúde).

(Foto: Burak Akbulut/Anadolu Agency via Getty Images)