Jogador do Real Madrid irá se justificar diante da promotoria sérvia por ter saído durante o período de isolamento social. Luka Jovic poderá sofrer pena que varia entre 1.275 euros e três anos de prisão.

Essa situação se deu início quando o atacante sofreu uma denúncia da polícia local de Belgrado por haver desrespeitado o prazo de 28 dias de quarentena que o governo sérvio determinou para quem entrar no país vindo de locais com alto índice de contaminação.

Anteriormente, Jovic já havia esclarecido que não tinha total conhecimento sobre as regras e que tinha saído para ir à farmácia. O jogador já tinha desrespeitado as regras na Espanha ao viajar para o seu país local, e logo após também cometeu infração na Sérvia, que toma medidas duras contra o Covid-19, onde proíbe a circulação entra as 17h e 05h.

Foto: (Reprodução/Instagram/@lukajovic)