Ceballos vive expectativa de retornar a campo após recuperação de uma lesão que o deixou afastado do início da temporada

Dani Ceballos encara o processo final de recuperação de uma grave lesão que sofreu ainda a serviço da Seleção da Espanha nas Olimpíadas de Tóquio, no mês de agosto. Assim, passados dois meses da lesão, o jogador se manifestou publicamente sobre o período de afastamento nesta quinta-feira (30).

Nesse sentido, o atleta de 25 anos afirmou estar “trabalhando muito para conseguir se recuperar”, mas que a lesão é uma batalha maior do que o esperado. Assim, decidiu dizer sobre as dificuldades.

“Há momentos na vida em que surgem dificuldades que não esperamos. Já estou enfrentando a reta final dessa recuperação com uma grande equipe de profissionais”, declarou o meia em seu perfil do Twitter.

Contudo, Ceballos não tem previsão de retornar, mas explicou que a lesão serviu de experiência para um processo de amadurecimento.

“Sem dúvida, esta experiência está me ajudando a crescer mentalmente e voltar com mais força e entusiasmo do que nunca. Se eu estou certo de uma coisa, é que o futebol é minha vida, e estou contando os minutos para voltar”, apontou.

O espanhol ainda assim agradeceu aos torcedores e fãs pelo carinho e a força na recuperação. “Obrigado por todo o apoio que recebo de vocês. Nos vemos logo”.

https://twitter.com/DaniCeballos46/status/1443607560712503305

Lesão, recuperação e equipe

Conforme o boletim médico do Real Madrid, o jovem espanhol havia sido diagnosticado com uma ruptura completa do ligamento fibular anterior e fibular do calcâneo – este é o maior osso do pé humano, um dos sete que constituem o tarso, estrutura anatômica e funcional da parte superior do pé, próxima ao tornozelo.

O clube, como acontece em todos os casos, não divulgou nenhuma previsão de retorno para Ceballos treinar com os companheiros de equipe.

Como resultado, o meia não foi inscrito na LaLiga e estará sob as ordens de Carlo Ancelotti apenas na Copa do Rei.

Atualmente, o meia tem contrato com a equipe até junho de 2023 e não há nenhuma negociação por renovação e expectativa de venda na janela de transferências.