Pular para o conteúdo

Em atuação discreta, Marcelo aponta: “Jogar aqui é sempre difícil”

Marcelo FAZ atuação DISCRETA EM EMPATE CONTRA O GETAFE e comenta sobre dificuldades encontradas na partida

Após empate sem gols contra o Getafe, válido pela 33° rodada da LaLiga, neste domingo (18), o brasileiro Marcelo, que teve atuação discreta, foi o escolhido para falar com a imprensa e disse que a equipe sabia o que estava por vir.

“Foi uma partida muito lenta, daquelas onde a bola não anda, um campo muito seco, mas era o que tinha. Portanto, sabíamos que era muito difícil jogar aqui, tentamos ter a posse de bola e quando a tivemos, chegamos ao gol adversário”, destacou.

Com a lesão de Ferland Mendy, até então titular da equipe, o brasileiro teve sua chance de entrar em campo. Capitão dos merengues, o jogador teve atuação discreta.

Questionado pelo cansaço da equipe, o atleta explica que “não há muito tempo para descansar, mas é isso, o que é preciso fazer. Temos que seguir dando o máximo, o futebol está assim, e precisamos fazer o necessário”.

Marcelo fala sobre seu trabalho em campo e sua vontade de vencer dificuldades

Marcelo falou ainda sobre um aparente papel secundário no Real Madrid, o qual negou, “não vejo como um papel secundário, acrescento muito a equipe, jogando ou não”.

“Sou um dos capitães da equipe e preciso ensinar os garotos”. Portanto, quando surge uma oportunidade de jogar, tenho que fazê-lo.” “Estou trabalhando duro para voltar ao meu nível e quero seguir jogando”.

O brasileiro explicou que quando está jogando, as coisas funcionam (em alusão a seu período de suplência) e que desafios como esse de hoje o encantam. O lateral disse ainda que precisa melhorar e seguir lutando pelo seu espaço.

Confiante, Marcelo é taxativo: “nossos adversários também terão jogos importantes, é preciso descansar bem. “A La Liga é assim, há muitas partidas e você não sabe o que acontecerá até o final”.

“Tentamos ganhar todos os campeonatos que disputamos, e fazer todo o possível para ganhar”, sentenciou.