Leonardo, diretor esportivo do PSG, não se manteve calado na polêmica sobre Mbappé e foi contundente em criticar a postura de Florentino Pérez

Embora Kylian Mbappé afirmasse publicamente que queria sair do PSG na última janela e Florentino Pérez anunciar que notícias sobre o jogador virão em janeiro, Leonardo, o diretor esportivo do clube francês, também deu seu parecer sobre a polêmica. Em entrevista ao L’Équipe, o brasileiro afirmou que o Real Madrid está sendo desrespeitoso na situação e que onde há fumaça, há fogo.

“Isso está sendo uma falta de respeito com Mbappé e com o Paris Saint-Germain. Em uma mesma semana, um jogador do Real Madrid, o treinador e agora até o presidente falam de Kylian como se fosse um jogador deles. Florentino já falou essa semana com seus fãs de Mbappé. Repito: é uma falta de respeito que não podemos tolerar”.

Leonardo se refere às recentes declarações de Ancelotti, Benzema e Florentino Pérez. O treinador do Real Madrid afirmou antes do jogo com o Espanyol que, caso Mbappé vá ao Real Madrid, que desfrute do maior clube do mundo. Benzema, também em entrevista, falou que seu compatriota iria mais cedo ou mais tarde a Madri segundo supostas palavras do próprio Mbappé. Por fim, Florentino também falou sobre o assunto e afirmou que tudo se resolveria em janeiro.

Mesmo após Florentino esclarecer o que quis dizer, Leonardo não mudou de opinião. “Isso já acontece há dois anos. Só pra lembrar, a janela fechou e a temporada já começou. Temos jogos para jogar e o Real Madrid não pode seguir se comportando dessa maneira. Que isso pare agora! Mbappé é jogador do PSG e o clube quer que essa relação dure”.